sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Dodô X Héverton

Dizem que lá no Canindé, que Héverton está com ciúmes do Dodô. Se é verdade ou não, não sei... Mas sei que o rendimento do Héverton caiu bastante e os gols desapareceram.

Com a chegada do “artilheiro dos gols bonitos”, Vadão optou por recuar o Héverton, deixando o Dodô no ataque, esta é a explicação para o baixo rendimento do jogador.

Porém, os passes que deveriam vir do Héverton para o Dodô não são bem sucedidos. O único jogo que houve um pouco mais de entrosamento entre dois foi contra o Asa, em que a Lusa venceu por 2 a 0. De resto, rola uma má vontade do Héverton e o Dodô não tem pique para correr atrás da bola.

Conclusão: Héverton não faz gols e não ajuda os coleguinhas atacantes e a Lusa passou sete jogos sem vencer, o saldo de gols caiu, perdemos o artilheiro e a artilharia do campeonato.

Antes do Dodô estrear com a camisa rubro-verde, o Héverton tinha praticamente um gol por partida e na era pós-Dodô, seu saldo é zero.

Na Série B, Héverton jogou 19 jogos e marcou 8 gols; Dodô atuou pela Lusa 9 vezes e marcou 6 gols.

No último jogo contra o Figueirense, Dodô fez um gol, mas saiu contundido e ficará um mês sem entrar em campo. A notícia foi divulgada dia 16/09 pela Assessoria de Imprensa da Lusa. No período de um mês, a Portuguesa disputará 8 partidas, tempo suficiente para o Vadão acertar o time, colocar o Héverton como atacante e testar Zé Carlos, Malaquias, Luis Ricardo, Fabinho, etc... Não importa o nome, tem que fazer gols e ajudar a Lusa a vencer as partidas e retornar para o G4.

Enquanto o Dodô faz seu tratamento para curar a contusão no joelho, Héverton terá tempo suficiente para desencantar e voltar a fazer os gols do início da temporada e quem sabe retornar para o topo da artilharia da Série B.

Um comentário:

Igor sausmikat disse...

Vou ser sincero com vc,o Héverton precisa de parar com isso,até porque se ele ficar com essa situação quem perder é a Lusa.
Tem que parar com isso.O Héverton bola tem,e aliás é uma bola que é melhor q Bruno César,Valdívia que tanto a imprensa baba e não vejo nada demais.
abraço Michelle!!
Igor